(11) 2682 6633 / 99457-3485


Sensor de nível, uma tecnologia a favor da economia

Sensores são dispositivos que detectam e respondem com eficiência a algumas entradas oriundas de interações físicas com o ambiente, podendo ser, estas interações, luz, movimento, calor, umidade, pressão, volume, ou qualquer outra variação detectável. Existem várias tecnologias responsáveis por detectar variações extremamente importantes para a indústria. Uma delas é o controle de nível, que é importante para o planejamento da logística de abastecimento de suprimentos e para a entrega do produto final para o cliente.

Alguns modelos de sensor de nível trabalham interagindo diretamente com o material monitorado, através da condutividade elétrica do fluido. Este sensor trabalha emitindo uma micro corrente elétrica através do fluido para as paredes do tanque, que devem ser metálicas. Caso o tanque seja construído com material isolante (PVC ou concreto, por exemplo), um eletrodo auxiliar deverá ser adicionado para que a corrente emitida pelo sensor atravesse o fluido e chegue ao eletrodo ou às paredes metálicas do tanque. Desta forma, conforme o volume do material monitorado varia, o sensor consegue gerar e identificar uma variação de corrente elétrica, que é convertida em variação de volume.

Outra forma de trabalho do sensor de nível é através da capacitância. A capacitância é a grandeza elétrica de um capacitor, que é determinada pela quantidade de energia elétrica que pode ser armazenada em si por uma determinada tensão e pela corrente elétrica alternada que atravessa o capacitor. Usando o mesmo princípio dos capacitores, estes sensores conseguem medir a alteração do volume pela variação da constante dielétrica do tanque mensurado, sendo que conforme o fluido enche o tanque ele atua como um material isolante entre as placas condutoras do capacitor, causando um aumento da constante dielétrica no volume do tanque que o sensor monitora. E esta variação da constante dielétrica é convertida em variação de volume.

Mas a instrumentação não se restringe a apenas utilizar estes dois fenômenos físico-químicos. Tudo que os cientistas descobriram de tecnologia vem sendo aplicado na indústria, nos eletrodomésticos e nos veículos, como o sensor de nível do tipo ultrassônico, sensor de nível do tipo piezoelétrico e sensor de nível por admitância. Todos eles são usados como sistemas auxiliares, sistemas de segurança ou sistemas de economia, como é o caso de alguns modelos de lavadoras de roupas que detectam o volume e o peso das roupas secas e calculam o volume de água ideal e a quantidade ideal de sabão para o ciclo de limpeza.